Corsan substitui mais de 34 mil medidores de consumo de água vencidos em 30 cidades

0
247

A Corsan está substituindo os hidrômetros, equipamentos que fazem a medição do consumo de água nas residências, que estão fora do prazo de validade. Esses equipamentos devem ser trocados a cada cinco ou sete anos, dependendo do modelo. Nas 30 cidades que fazem parte da Regional Centro da Corsan, já foram trocados 34,3 mil hidrômetros entre 2023 e 2024. Ainda faltam ser substituídos 20 mil.

A troca é necessária para manter correta a leitura do consumo e é feita sem custo aos clientes da Companhia. Os técnicos que fazem o trabalho usam crachás de identificação e uniformes com os dizeres “A serviço da Corsan”.

As medições dos aparelhos são confiáveis e ajudam também a reduzir o desperdício de água, porque podem apontar possíveis vazamentos não visíveis. Os equipamentos novos são verificados pelo Inmetro e possuem lacre e etiqueta de certificação e segurança. O lacre não pode ser removido, e a violação acarreta penalidades ao responsável pelo aparelho, como taxa de reposição da peça ou multa. Essas cobranças são determinadas pela Agergs – a autarquia estadual que regula as normas de saneamento básico no Rio Grande do Sul.

Em caso de danificação acidental, quebra ou mau funcionamento, o cliente deve entrar em contato com a Corsan pelo site www.corsan.com.br/cliente ou pelo app Corsan. Para mais informações, estão à disposição da comunidade também o telefone 0800-646.6444, com ligações gratuitas, e WhatsApp (51) 99704-6644.

Veja quantos hidrômetros já foram substituídos por cidade da Região Central

Santa Maria: 17. 660
Santa Cruz do Sul: 5.247
Venâncio Aires: 3.092
Rio Pardo: 1.960
Tupanciretã: 979
Júlio de Castilhos: 936
Cachoeira do Sul: 646
São Pedro do Sul: 621
Itaara: 416
Sobradinho: 401
Candelária: 382
Pantano Grande: 302
São Sepé: 246
Mata: 169
Arroio do Tigre: 162
Boqueirão do Leão: 148
Restinga Seca: 143
Lagoão: 120
Vila Nova do Sul: 109
Nova Palma: 79
Agudo: 52
Formigueiro: 52
Faxinal do Soturno: 41
Dilermando de Aguiar: 32
Barros Cassal: 23
Passa Sete: 17
Dona Francisca: 11
Silveira Martins: 7
Ivorá: 4
Lagoa Bonita do Sul: 4