Duplicação da BR-392 em Santa Maria, na saída para São Sepé, já tem definição

0
1141

Esperada há muitos anos, a duplicação da BR-392, na saída para São Sepé, começará a sair do papel a partir em 2024, segundo nova promessa.

Essa obra está no pacote que será anunciado nesta terça (24) pelos ministros dos Transportes, Renan Filho, e da Secretaria de Comunicação, Paulo Pimenta, durante uma live em Brasília (DF).

Para as BRs 392 e 290, aqui na região, serão investidos R$ 206 milhões, em uma série de obras, que preveem também a construção de terceiras faixas, a recuperação dos 170 km das estradas e a construção de trevos de acesso a Vila Nova do Sul e Santa Margarida do Sul.

Essas melhorias fazem parte de um Contrato de Recuperação e Manutenção (Crema), que inclui obras e a conservação pelos próximos cinco anos da BR-392, entre Santa Maria e o trevo com a BR-290, em Caçapava do Sul, e da BR-290, no trecho entre o trevo com a BR-153 (de acesso a Bagé) e São Gabriel. Os trabalhos começam em novembro.

Como ultimamente, a BR-392 recebeu terceiras faixas e obras de recuperação, a prioridade do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) será recuperar primeiro trechos em pior condição na BR-290.

Esse contrato prevê que a empresa vencedora da licitação faça os projetos das obras. Por isso, a construtora LCM terá seis meses para apresentar ao Dnit o projeto final de como será a duplicação da BR-392 entre o Trevo da Uglione e o Trevo da Estância do Minuano.

REPORTAGEM – DENI ZOLIN-  deni.zolin@diariosm.com.br.

Foto- Google.