Fundação Afif e agentes culturais debatem utilização dos recursosda Lei Paulo Gustavo

0
185

Na noite de segunda-feira, 29 de maio, representantes de entidades, sociedade civil, grupos e produtores culturais se reuniram no auditório da Fundação Afif para um espaço de debates e construção do Plano de Ação para a utilização dos recursos advindos da Lei Paulo Gustavo.

Isso porque, no dia 11 de maio, o Governo Federal regulamentou a Lei Paulo Gustavo, onde liberou R$ 3,8 bilhões para que os municípios, estados e o Distrito Federal invistam na produção de eventos culturais. São Sepé receberá o valor de R$ 230.267,79.

Para o Presidente da Fundação Afif, Fernando Vasconcellos, o encontro foi muito produtivo para projetar futuras ações culturais. “Sempre buscamos fomentar as atividades culturais e esportivas através de editais externos e recursos extra-orçamentários, para incrementar essa cadeira produtiva. Sabemos que a cultura atende diretamente e indiretamente diversas famílias que dependem do setor, desde o artista ao técnico de som, e essa cadeira criativa e produtiva da cultura ela também contribui com impostos que giram dentro do município, aquecendo o comércio, movimentando a economia local”, destacou.

São Sepé também teve projeto aprovado no Fundo de Apoio à Cultura – FAC, no valor de R$ 98 mil e trabalha na busca de recursos por meio da Lei Aldir Blanc 2.

Informações: Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal. Por Camila Fogliarini.