Morre em Porto Alegre o político Aldo Pinto

0
255

Morreu hoje em Porto Alegre, o ex-deputado Aldo Pinto da Silva, aos 84 anos de idade. Nascido em Palmeira das Missões no dia 3 de fevereiro de 1939, Aldo foi uma figura notável no cenário político e agropecuarista no Brasil.

Conforme publicado no Site do PDT do RS, Aldo Pinto dedicou sua vida ao campo e à política, deixando um legado marcante em ambas as áreas. Foi eleito deputado estadual em 1974, exercendo seu papel com excelência e sendo reconhecido por seu comprometimento e liderança.

Sua trajetória política incluiu a presidência da Assembleia Legislativa, posição na qual serviu de 11 de março de 1981 a 1 de março de 1982, demonstrando sua habilidade na condução dos assuntos legislativos e sua dedicação ao serviço público.

Aldo foi um dos fundadores do PDT e, ligado ao setor rural, desempenhou dois mandatos como deputado federal. Sua busca incansável pelo desenvolvimento da agricultura familiar e pelo fortalecimento do ruralismo foi um marco em sua carreira política.

Em 1986, candidatou-se ao governo pelo PDT, e mais tarde, no governo de Alceu Collares, exerceu o papel de Secretário da Agricultura, deixando sua marca no apoio e promoção do setor agrícola.

Nas eleições de 1994, Aldo concorreu ao Senado, levando consigo a bandeira do ruralismo e da agricultura familiar, mostrando seu comprometimento contínuo com questões fundamentais para o desenvolvimento do país.

Aldo Pinto será lembrado não apenas por suas contribuições políticas, mas também por sua dedicação incansável em prol do desenvolvimento agrícola e social, deixando um legado de comprometimento e liderança.

Aldo Pinto foi velado na Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul.

 

FOTO^ LUCIO BERNARDO JR/CÂMARA DOS DEPUTADOS.