Para depois das tempestades: José Elpídio Santana

0
430

Esta coluna segue a rotina de levar aos distintos leitores um mero ponto de vista, uma informação. E, percebo, tem se prestado para provocar algum debate ou reflexão a respeito dos assuntos nela abordados.

“Depois da tempestade vem a bonança”. Uma idéia sintetizada numa frase amplamente conhecida na linguagem popular. Mais que isso, um pensamento positivo que nos anima e nos repõe a esperança de que os momentos desagradáveis passarão.

Mas, primeiro vêm as lágrimas. Difícil, porém, para aqueles que passam por perdas irreparáveis, de familiares, injustiças, ou outros dissabores como a destruição de suas casas ou plantações atingidas pelas recentes chuvaradas e tormentas de granizo. Contudo, embora a duras penas, devem persistir na fé e esperança de que a bonança um dia virá, ainda que venham tempestades, uma após a outra. Porque elas passarão, porque tudo passará.

Combina com o tema a mensagem que ora repasso aos amigos leitores e a todos quantos necessitam de uma palavra para abrandar eventuais momentos de desgostos e frustrações.

“Todas as coisas na terra passam”… os dias de dificuldades passarão…Passarão também os dias de amargura e solidão… os dias e as lágrimas passarão.

As frustrações que nos fazem chorar… um dia passarão.A saudade do ser querido que esteja longe, passará.

Dias de tristeza… dias de felicidades… são lições necessárias que, na Terra, passam, deixando no espírito imortal as experiências acumuladas.

Se hoje, para nós, é um desses dias, repleto de amargura, paremos um instante. Elevemos nosso pensamento ao alto, e busquemos a voz suave da Mãe amorosa a nos dizer carinhosamente: isso também passa.

E guardemos a certeza pelas próprias dificuldades, já superadas, que não há mal que dure para sempre.

O planeta terra semelhante a enorme embarcação, às vezes parece que vai soçobrar diante das turbulências de gigantescas ondas.

Mas isso também passará, porque Jesus está no leme dessa Nau. Segue o olhar sereno de quem guarda a certeza de que a agitação faz parte do roteiro evolutivo, e que um dia também passará… Ele sabe que a Terra seguirá a porto seguro, porque essa é a sua destinação.

Assim, façamos a nossa parte o melhor que pudermos, sem esmorecer, e confiemos em DEUS, aproveitando cada segundo, cada minuto que, por certo… também passarão”…

“Tudo passa…. Exceto DEUS!”

(Emmanuel/Francisco Cândido Xavier).