POP INFRA: Prefeito Municipal diz que programa não será cancelado

0
538

Desde julho de 2023, a Prefeitura Municipal de São Sepé articula ações para tirar do papel o Projeto de Obras Populares (POP INFRA). Foram diversas agendas em Brasília e Porto Alegre para deliberar a busca de recursos para a infraestrutura no município.
O objetivo do programa é atender demandas com planejamento de médio e longo prazos, com a finalidade de executar ações integradas de pavimentação, drenagem, distribuição de água, implantação de obras de esgotamento sanitário, gestão de resíduos sólidos e limpeza urbana e inclusão social.

Após dez reuniões em dez regiões diferentes do município, 30 fiscais das Comissões Comunitárias foram escolhidos e o projeto foi concluído e enviado para a Câmara de Vereadores com 56 propostas de pavimentação, em todas as regiões da cidade.
Em reunião com representantes dos segmentos da administração na manhã desta quarta-feira, 27, o Prefeito João Luiz Vargas afirmou que o projeto não será cancelado, mesmo com a reprovação do legislativo ao financiamento do BRDE. Os juros do projeto que tramitava na Câmara eram de 6%, menor que o último financiamento contraído pelo município em 2019.

“A negativa nesse recurso não vai nos desestimular, vamos continuar com recursos próprios, porém mais devagar. A meta era em 12 meses calçar mais de 50 quadras e o corredor das tropas. Agora vamos dar prioridade para o corredor das tropas sem deixar de atender nossa responsabilidade com São Sepé”, esclareceu o Prefeito.

Na reunião, ficou definido que o Escritório de Governo fará um levantamento no orçamento para avaliar quando poderá ser investido nas obras. Além disso, uma nova reunião será marcada com as Comissões Comunitárias para explicar como o projeto seguirá a partir de agora.

“O POP não foi vencido, apenas perdeu celeridade no atendimento àquelas pessoas que mais se beneficiariam com a pavimentação das ruas elencadas para sua comunidade. O programa continuará, com passos curtos, dentro dos recursos disponíveis, com responsabilidade fiscal, direcionando melhorias apontadas pela própria comunidade nas audiências públicas. Vivemos em um ambiente democrático e que, muitas vezes, entendimentos diferentes não favorecem o desenvolvimento. Seguimos trabalhando muito, criando ações, buscando recursos para cumprir com as nossas obrigações e frentes de trabalho, que aliás são muitas”, acrescentou o Vice-Prefeito, Fernando Vasconcellos.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal. Por Camila Fogliarini.