Prefeitura de São Sepé faz economia com energia solar

0
58

O Sistema de Energia Solar Fotovoltaica instalado no telhado do Ginásio Municipal, já trouxe um importante resultado econômico para a Prefeitura de São Sepé. Com apenas quatro meses de geração no ano de 2022, a Prefeitura já economizou aproximadamente R$ 32 mil nas suas faturas de energia.

As contas de energia do Ginásio de Esportes, Prédio Administrativo, do Centro de Atendimento à Saúde, Sede da Secretaria da Educação e Parque de Máquinas, que juntas somariam em média mais de R$ 9.500,00 mensais, reduziram em média para apenas R$ 1.500,00 mensais. Ou seja, uma economia de R$ 8 mil todo o mês. Com isso a Prefeitura deixou de gastar mais de R$ 32 mil em apenas quatro meses de geração.

Além dos benefícios econômicos, a geração fotovoltaica também colabora com o desenvolvimento sustentável, já que sua geração é limpa e renovável. A utilização de energia solar diminui a necessidade da utilização de outras fontes não renováveis e contribui com a redução de emissões de gases do efeito estufa. Segundo o aplicativo, onde pode ser acompanhada a geração do sistema, 62,36 toneladas de CO2 foram deixados de ser produzidos.

O sistema instalado tem gerado em média 11.700 MWh e já gerou quase 47 MWh nos últimos quatro meses de 2022, o suficiente para atender os cinco prédios da Prefeitura citados anteriormente. O investimento realizado deve retornar em apenas 3 anos e com isso a prefeitura economiza recursos para poder aplicar em outras áreas, assim como vem fazendo no ano de 2022 e continuará realizando ao longo deste ano.

Segundo o Diretor do Escritório de Governo, Gabriel Leão, já está previsto no orçamento deste ano recursos para instalação de energia solar em outros prédios públicos para aumentar a economia de energia elétrica da prefeitura: “Após o bom retorno que estamos tendo com esse primeiro projeto, a ideia é realizar estudos para averiguar a viabilidade técnica e financeira de outros prédios para receber o sistema e também aqueles que receberão a energia excede para atingir o maior número de prédios públicos possíveis” destaca Leão.

 

Por Camila Fogliarini. Assessoria de imprensa da Prefeitura Municipal